Jardins da Ilha da Madeira

Jardins da Ilha da Madeira

Jardins da Ilha da Madeira

Jardins da Ilha da Madeira

A Madeira é famosa pelos seus jardins, cheios de flores coloridas e de árvores e arbustos das mais diversas espécies.
Ao longo de todo o ano os jardins mantém-se floridos, o que faz com que no Funchal haja sempre pétalas a voar. O ar fica perfumado e os passeios cobertos por um tapete de mil cores.

  Espécies que na Europa só cresceriam em estufas, como as petúnias, begónias, e cinerárias crescem aqui livremente. Temperaturas amenas, clima subtropical e solo vulcânico fértil fazem com que plantas trazidas dos quatro cantos do mundo aqui se tenham adaptado e prosperado. Por isso, nos jardins, ao lado da vegetação nativa, não faltam variedades exóticas, recolhidas na Austrália ou na Nova Zelândia na China ou no Japão, em África ou na América do Norte, no México ou nas Antilhas.
 
O Capitão Cook trouxe uma árvore-de-chama da floresta africana e plantou-a na Quinta do Val. Como ele, centenas de pessoas têm enriquecido os jardins do Funchal com exemplares trazidos de lugares distantes.

 
Alguns dos jardins mais emblemáticos da ilha são: a Quinta do Palheiro, a Quinta Palmeira, o Jardim Botânico da Madeira, o Jardim Tropical Monte Palace e os Jardins do Imperador.